Mixtape.
Aliquam lorem ante, dapibus in, viverra quis, feugiat a, tellus. Phasellus viverra nulla ut metus varius laoreet quisque rutrum.

Instagram

Grls!/Pitty, Gaby Amarantos, Madame Br00na, Didi Couto

Pitty, Gaby Amarantos, Madame Br00na, Didi Couto

Detalhes

Pitty, Gaby Amarantos, Madame Br00na, Didi Couto
Tipo de Talk: 08/03, Workshop
Sobre

Platéia Entrevista

Mulheres que são pioneiras em suas áreas e que já são reconhecidas como referência são entrevistadas pela plateia.

 





 

 

Pitty

A música sempre esteve presente na trajetória da cantora e compositora baiana. Aos 11 anos ela ganhou seu primeiro violão, participou de algumas bandas e, em 2002, lançou seu primeiro disco solo, “Admirável Chip Novo”. “Máscara”, “Admirável Chip Novo” e “Equalize” fizeram enorme sucesso e ela se tornou a maior roqueira da geração De lá até aqui foram inúmeros prêmios e hits como “Memórias”, “Na sua Estante”, “Me Adora” e “Sete Vidas”. Ela também criou o duo Agridoce, no qual além de cantar e compor, tocava piano. Em 2019 lançou o álbum “Matriz”, um marco em sua carreira. Com quatro álbuns de estúdio, 7 DVDs e participações em diversos projetos, Pitty coloca sua personalidade em tudo o que faz e assim também é sua participação no Saia Justa, programa do GNT no qual ela é apresentadora desde 2017.

 

Gaby Amarantos

Nascida no bairro de Jurunas, na periferia de Belém, Gaby Amarantos é uma das responsáveis pelo surgimento e difusão do tecnobrega, ritmo que virou febre na Região Norte do Brasil. Além de cantora e compositora, a paraense é atualmente integrante do programa de TV Saia Justa, no GNT.

Gaby já foi indicada a diversos grandes prêmios da música, como o Grammy Latino e MTV Video Music Brasil, vencendo nas categorias de ‘Artista Feminina’ e ‘Artista do Ano’. No Prêmio Multishow venceu na categoria de ‘Novo Hit’, e ganhou o troféu de ‘ Melhor Cantora’ da Associação Paulista de Críticos de Arte.  Em 2019 venceu o prêmio MTV MIAW, na categoria Melhor Feat, com a música “Corpo Fechado”, em parceria com Johnny Hooker.

Gaby lançou 3 clipes em 2019: “Xanalá”, um feat com Duda Beat, exaltando a sexualidade feminina, além de duas músicas homanegando a cultura paraense: “Cachaça de Jambu” e “Ilha de Marajó”.

Gaby Amarantos é uma importante representante da cultura amazônica, defendendo a região norte do Brasil, que é muitas vezes negligenciada. Ela é uma defensora dos movimentos negros, LGBTQ e direitos das mulheres, e trabalha com a ONU em sua iniciativa “Vidas Negras Importam”.

Br00na

Bruna Paludo, conhecida como Madama Brona, é criadora de conteúdo digital. Nas redes sociais, faz horoscopinhos e conteúdo inspirado em astrologia, tarô, esoterismo e autocuidado.

Didi Couto

 

A jornalista Adriana Couto apresenta o Metrópolis há mais de dez anos, um dos mais tradicionais programas de arte e cultura da televisão brasileira. Na TV Cultura também já comandou a bancada do Jornal da Cultura. Começou a carreira na Rádio CBN ainda estudante de jornalismo da PUC SP. Foi apresentadora e repórter do Canal Futura RJ e aprofundou sua pesquisa em educação e jornalismo público. Na TV Globo trabalhou como repórter do programa musical FAMA e do RJTV. Em 2016 e 2018, ganhou o Prêmio Comunique-se na categoria jornalismo cultural/mídia falada. Dirigiu o curta documental “O Fervo”, sua primeira experiência na direção.